Resenha: O sol é para todos Resenha: Em algum lugar nas estrelas Resenha: Laços

PARCERIA - PAULO LEVY



É com grande prazer que anunciamos mais uma parceria com mais um promissor escritor nacional, o amistoso Paulo Levy.
Antes de se aventurar no mundo dos escritores, Paulo já foi profissional de squash, redator publicitário, dono de agência e até dono de bar no litoral de São Paulo. Trabalhou na Editora Objetiva e na Editora Horizonte antes de lançar seu primeiro romance policial, Réquiem para um assassino, que surgiu de uma epifania enquanto o escritor caminhava a beira-mar.
Lançado pela Editora Bússola, Paulo nos apresenta o detetive Dornelas que também está presente em seu segundo lançamento, Morte na Flip. Fã dos detetives Sherlock Holmes e Hercule Poirot, que dispensam apresentações, Paulo faz jus aos seus grandes inspiradores, segundo a revista Veja.
Esperamos que o detetive Dornelas e seu criador façam tanto sucesso quanto suas inspirações!


Confiram as sinopses das obras:

Réquiem para um assassino:

Parecia uma manhã como outra qualquer na pequena Palmyra, uma cidade histórica no litoral do Rio de Janeiro. A caminho do trabalho, o delegado Joaquim Dornelas se espanta com um movimento incomum nas ruas. Diante da Igreja de Santa Teresa e da Antiga Cadeia, no Centro Histórico, uma multidão observa o corpo de um homem atolado na lama seca do canal. Ninguém sabe como o corpo foi parar lá. Não há sinais de arrasto, marcas de barco, violência, ferimentos, nada. Apenas um band-aid na dobra interna do braço esquerdo.
Abandonado pela mulher e longe dos filhos, o delegado Dornelas, um tipo humano, amante de cachaça e de mingau de farinha láctea, se envolve de corpo e alma no caso em busca de salvação.
Sem aviso, a irmã do morto e um vereador poderoso aparecem para dar informações importantes sobre o que se tornaria um caso de dimensões bem maiores do que Dornelas poderia imaginar. Aos poucos se revela uma complexa teia de interesses envolvendo a política, o tráfico de drogas, a prostituição e a comunidade local de pescadores. A intuição aguçada, a cultura e o conhecimento das forças que movem a natureza humana permitem ao delegado Joaquim Dornelas se mover habilmente pelo emaranhado de fatos e versões que a trama apresenta. O que a princípio seria mais uma investigação na sua carreira, se torna para o delegado uma jornada de transformação pessoal.



               Morte na Flip:



Vai começar a Flip–Festa Literária Internacional de Palmyra, um dos eventos literários mais charmosos do mundo. Na décima edição da festa e com a cidade cheia, o delegado Joaquim Dornelas está dividido entre a alegria e a preocupação. Para ele, quanto mais gente e mais festa, maior a chance de confusão. E é claro que o inesperado acontece, momentos antes do show de abertura Dornelas se vê diante de uma cena que põe a si mesmo e a sua equipe, em estado de alerta. Um crime é cometido no início da madrugada.
Pressionado pelo chefe e pela imprensa, nesta nova e saborosa aventura, Dornelas se vê envolvido numa complexa rede de fatos e intrigas que procuram desviar o rumo da investigação e confundir a polícia.
Embalado por sua amizade colorida com Dulce Neves, por doses de sua cachaça favorita, por seu empenho como pai à distância e por seu mingau de farinha láctea, o delegado Joaquim Dornelas mais uma vez usa de aguçada intuição e incrível faro policial para desvendar mais um complicado crime.


Em breve teremos a resenha de Réquiem para um assassino e mais novidades.

Enquanto isso conheçam um pouco mais sobre o autor e suas obras:
Site oficial: www.paulolevy.com.br
Twitter/Instagram: @paulolevy

Réquiem para um assassino no Skoob: https://www.skoob.com.br/livro/213868ED239328
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...