Resenha: O sol é para todos Resenha: Em algum lugar nas estrelas Resenha: Laços

Resenha: 172 horas na Lua

Título: 172 horas na Lua

Autor: Johan Harstad

Editora: Novo Conceito

Ano de publicação: 2015

Páginas: 288

ISBN: 9788581637099

Nota: 05/05


Vamos dizer que é um livro com uma estória incrível, mas que não foi tão bem explorado pelo autor. Foi bem previsível para mim o final, o que me deixou um pouco desapontada. Não é um livro ruim, de maneira nenhuma, mas não espere algo muito bem desenvolvido. O livro se passa em 2018, um futuro bem próximo - apesar de o livro ter sido escrito em 2008.

A história é contada por três pontos de vistas. Vamos conhecer a Mia, Midori e Antoine os três são adolescentes comuns, que vivem com seus pais. Todos eles têm suas vidas normais, e nunca iriam pensar que algum dia teriam a chance de ir até a Lua.

A NASA percebeu que expedições até a lua ou espaço, não chamavam mais a atenção, principalmente dos jovens, o que fazia com que patrocinadores fugissem da ideia também, e para tentar mudar isso, a NASA decide fazer um sorteio de três jovens entre 14 e 18 anos, de qualquer lugar do mundo, para participar da próxima expedição até a Lua.

Muitos jovens ficaram empolgados com a ideia de serem os primeiros adolescentes a pisarem na Lua. Mia era a única aparentemente, que não estava ligando muito para isso. Ela nasceu na Noruega, tinha uma banda e sonhava um dia viver da música, mas seus pais fizeram a inscrição dela para a expedição na lua sem avisá-la. Ela não teve muita escolha quando o resultado do sorteio foi divulgado.

Antonie viu a oportunidade de ir até a Lua, como uma forma de esquecer sua ex-namorada Simone. Estava difícil para ele superar o término, então se fosse para a Lua, ia mostrar para a ex que ele estava com a cabeça em outras coisas. O garoto morava em Paris e usava até a Torre Eifel para vigiar algumas coisas particulares dele.

Midori nasceu no Japão e desde que começou a trabalhar, gasta a maior parte do seu dinheiro comprando roupas. Ela quer ser aceita pelos amigos, mas seu sonho mesmo é morar em Nova York, então a oportunidade de participar da expedição até a Lua, ajudaria e muito na realização do seu grande sonho.

Todos estavam empolgados com essa grande viagem, mas muitos segredos e informações muito importantes foram omitidos dos adolescentes e até mesmo de astronautas experientes. Fiquei bem apreensiva em vários momentos, por que não dava para ser o que ia acontecer, o que eu podia esperar de tudo aquilo, qual seria o próximo passo e no que ia dar isso tudo.

Vamos encontrar alguns acontecimentos inexplicáveis durante o livro, que podem não fazer o menor sentido na hora, mas nada nesse livro fica sem explicação. A história pode ser bem previsível, mas vai te deixar impressionado sim!

Faltou algumas coisas que eu achei que encontraria, como por exemplo, o treinamento na NASA antes deles irem para a Lua. Isso não é mostrado no livro, é bem superficial. Pode ser que, se o autor fosse narrar tudo isso, muitos termos técnicos seriam envolvidos, o que poderia deixar o livro um pouco chato, então ele deve ter optado por não colocar.


Eu gostei muito do livro apesar das ressalvas. Assim que a jornada na Lua começa, preparem-se para fortes emoções e para muitas revelações. No fim, acho que a ideia de voltar à Lua não foi tão boa quanto a NASA achou que seria.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...