Resenha: O sol é para todos Resenha: Em algum lugar nas estrelas Resenha: Laços

Literatura para jovens: obra de escritor cearense concorre ao Prêmio Jabuti


Morador de São Paulo, o escritor cearense Ítalo Anderson concorre na 59ª edição do Prêmio Jabuti de literatura, pela categoria poesia. Ele compete com o livro “Pelo Ralo”, um livro de poesias, onde conta histórias escondidas em versos que provocam de maneira a atenção de leitores jovens e adultos. A principal premiação de literatura, que este ano se divide em 29 categorias, tem cerimônia de comemoração prevista para novembro.


Pelo Ralo: Poesias que Se Foram

Lançado durante a 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, publicação da editora paulistana Scortecci, “Pelo Ralo” é uma obra de amor à escrita e leitura.  O autor convida o leitor a passear por sua própria essência, onde há a exploração de lembranças antigas, como amores, viagens, dúvidas e receios. Jovem, de espírito livre e centrado, Ítalo repassa seu universo literário, artístico, como um espelho, a refletir o que pensa e sente. Para ele, o livro não tem um tema específico: “É como um passeio por diferentes lugares, sensações, histórias e momentos. Minha inspiração vem do que vivo dos lugares por onde passo, das coisas que imagino e pessoas que encontro”.

Ficha técnica:
Editora: Scortecci
ISBN: 8536647655
Formato: 12x18 cm
Páginas: 68
Preço: R$ 29,00

Sobre o autor:

Ítalo Anderson Lopes Pinheiro Clarindo, artista e autor de poesia, é natural de Fortaleza, Ceará (1993). Aos 19 anos, mudou-se para São Paulo.

Seu primeiro livro, “Gaveta Aberta”, foi publicado no ano de 2014 através do selo carioca Futurarte de poesia contemporânea.

Em 2015, teve sua primeira exposição individual, “Primeiros enquadramentos”, de fotografias, sediada na S.I. Guilherme Cossoul, em Lisboa-PT.

Ítalo ganhou prêmios por seu trabalho artístico e poético, entre eles se destacam Prêmio Fernando Pessoa de Honra ao Mérito (Fundação Cultural de Curitiba | Literarte, 2016) e prêmio de destaque pela Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre/Literarte (2014).

Em 2017, passou a ser membro da “The International Association of Art, IAA / AIAP, L'Association Internationale des Arts Plastiques-UNESCO” e do Sindicato Nacional de Artistas Plásticos, além de ter recebido o título de acadêmico do Núcleo Acadêmico de Letras e Artes de Lisboa, em janeiro do mesmo ano.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...